Sábado , Julho 20 2024
ÚLTIMAS
Home / RALI / Tudo a postos para o WRC Vodafone Rally de Portugal
Tudo a postos para o WRC Vodafone Rally de Portugal

Tudo a postos para o WRC Vodafone Rally de Portugal

Spread the love

A 57.ª edição do Vodafone Rally de Portugal arranca esta quinta-feira, em Coimbra, onde é esperada mais uma enchente para receber máquinas e pilotos do WRC. Super-Especial da Figueira da Foz abre a vertente competitiva, que vai ter 22 classificativas disputadas no Centro e Norte do país, entre quinta-feira e domingo.

As 69 equipas inscritas no WRC Vodafone Rally de Portugal completaram, hoje, os reconhecimentos para a quinta prova do Campeonato do Mundo FIA de Ralis (WRC), que é também pontuável para o Campeonato de Portugal de Ralis. Sol e temperaturas amenas acolheram os pilotos nos troços da região Norte, depois de, ontem, as equipas terem tirado notas nas classificativas do Centro.

O lote de candidatos à vitória é alargado e há grande expectativa para ver o que podem fazer pilotos como Sébastien Ogier (Toyota) e Kalle Rovanperä (Toyota), que não estão a disputar a totalidade do campeonato e, portanto, vão ter uma posição de partida mais atrasada face aos primeiros classificados do Mundial. Ogier vai ser o quinto na estrada durante a primeira etapa e Rovanperä o sétimo, deixando a tarefa de ‘limpar’ os troços de terra da região Centro, na sexta-feira, para pilotos como o líder do campeonato, Thierry Neuville (Hyundai), o segundo classificado Elfyn Evans (Toyota), ou o terceiro Adrien Fourmaux (M-Sport Ford). Neuville e Evans, que já ganharam a prova do Automóvel Club de Portugal (ACP), chegam a esta fase separados por escassos seis pontos no campeonato, com Fourmaux, uma das grandes surpresas da temporada, a 27 pontos de Neuville e na frente de outro forte candidato à vitória, Ott Tänak (Hyundai), que quer recuperar confiança e regressar aos bons resultados.

A prova do WRC2, com os carros de Rally2, tem uma extensa lista de quase 40 equipas, que inclui alguns nomes que já andaram na categoria-rainha do Mundial, os Rally1. São os casos de Pierre-Louis Loubet (Skoda), Teemu Suninen (Hyundai), Gus Greensmith (Skoda) e Kris Meeke (Hyundai), este último o dominador do Campeonato de Portugal de Ralis até ao momento. O Mundial dos Rally2 é liderado por Oliver Solberg (Skoda) e Yohan Rossel (Citroën), ambos com 43 pontos, mais três do que Nikolay Gryazin (Citroën), o que deixa antever nova batalha intensa em Portugal.

A prova do Campeonato de Portugal de Ralis, que vai atribuir as suas pontuações no final da nona classificativa (final da etapa de sexta-feira), tem em Kris Meeke o natural favorito, embora a experiência e o talento de Armindo Araújo (Skoda) – 12 vezes o melhor português da prova e que já ganhou três edições do Rally de Portugal – prometa dificultar a tarefa do norte-irlandês. O campeão nacional em título, Ricardo Teodósio (Hyundai), bem como José Pedro Fontes (Citroën), os jovens Lucas Simões (Ford) e Pedro Almeida (Skoda), ou Ernesto Cunha (Skoda), que faz a primeira época com um Rally2, também querem brilhar na prova mais famosa e mediática do campeonato. Entre os 2 Rodas Motrizes do CPR, destaque para o esperado duelo entre Hugo Lopes (Peugeot) e Gonçalo Henriques (Renault), que, para já, tem sido favorável ao piloto do Peugeot 208 Rally4.

Paredes, Coimbra e Figueira da Foz no programa do Dia 1

Como é habitual, a ação começa com o Shakedown de Paredes, no interior e nas imediações do circuito de Baltar, a partir das 08h01 de amanhã. Um troço-espetáculo de 4,61 km, que os pilotos vão percorrer mais do que uma vez, numa derradeira oportunidade para afinações, antes do arranque oficial da prova. Depois de um regresso à Exponor, as equipas partem em direção a Coimbra, que volta a receber a Cerimónia de Partida oficial.

Uma sessão de autógrafos com os pilotos, a partir das 16h00, no terreiro do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, antecede a partida oficial, às 17h00, em plena Avenida de Conímbriga. Os concorrentes rumam depois à Figueira da Foz, para a Super Especial de abertura que, este, ano tem um percurso redesenhado (2,94 km), junto ao Forte de Santa Catarina, a partir das 19h05 (e com transmissão em direto na SportTV4 e RTP1).

&nbsp

MEDIA4RACE TV

Scroll To Top