Sábado , Julho 20 2024
ÚLTIMAS
Home / MONTANHA / Caramulo Racing Team na máxima força neste arranque de temporada
Caramulo Racing Team na máxima força neste arranque de temporada

Caramulo Racing Team na máxima força neste arranque de temporada

Spread the love

Fernando Salgueiro, Ricardo Loureiro e Fernando Francisco estão preparados para enfrentar mais uma época no Campeonato de Portugal Clássicos de Montanha JC Group. O triunvirato do Caramulo Racing Team encara com ambição a Rampa da Arrábida que se disputa já este fim-de-semana. Salgueiro e Loureiro querem lutar pela vitória, Francisco almeja evoluir e pontuar de forma sólida.

A prova setubalense tem honras de abertura de um campeonato que, no que concerne aos Clássicos, tem tudo para vir a ser muito disputado. E, entre os “Caramulo Boys” estão dois campeões nacionais, Loureiro em 2019 e Salgueiro em 2021 e 2022 que, uma vez mais, querem estar na luta pelo cetro nacional em discussão, com ambos a continuarem a confiar nos seus Ford Escort MKII.

Fernando Salgueiro, que em 2023, conseguiu o vice-campeonato, apesar de ter enfrentado vários problemas técnicos ao longo do ano, não esconde que “o nosso objetivo é a reconquista do campeonato. Serão oito “batalhas” duras, pois não tenho qualquer dúvida de que a concorrência será muito forte. O campeonato será longo e qualquer erro será pago de forma cara, mas, no final ,com tudo somado e subtraído, estou certo de que o resultado será muito positivo!”, assumindo que “quero estar na luta pelo título”.

Já Ricardo Loureiro chega à rampa organizada pelo Clube de Motorismo de Setúbal disposto a passar um pano na “série negra” que o assolou em 2023, época que o consagrado piloto-edil considera que “é para esquecer e rapidamente!”.

Loureiro e a equipa técnica trabalharam muito para que o carro americano ficasse competitivo: “o motor foi totalmente revisto, ainda durante a época transata e, quer na Rampa do Caramulo, quer no Caramulo Motorfestival, já conseguimos ser fiáveis. Durante o defeso, continuamos a trabalhar e no teste que fizemos, há poucos dias, tudo correu bem e estamos com muita confiança de que ultrapassamos aquela autêntica série negra e que 2024 irá ser um ano muito positivo”, considerando que “mesmo abordando a época com cuidado, não deixaremos de aproveitar as oportunidades para estar na luta pelos triunfos e, quiçá, do título!”.

Por seu lado, Fernando Francisco que dar continuidade ao “meu crescimento como piloto, certo de que os bons resultados surgirão de forma natural, com a esperança também de que aquela ponta de sorte, tão necessária, vai lá estar para compensar todo o esforço”.

O piloto do Ford Escort MKI quer “estar à partida de todas as provas do campeonato, continuar a evolução do carro e focar-me em melhorar em todas as rampas, batendo os meus melhores tempos e tendo como outro objetivo pontuar de forma firme e regular”.

Fernando Francisco ressalva que “infelizmente não tive a possibilidade de fazer um teste mais completo à máquina antes desta primeira prova, mas chego à Arrábida muito motivado pois fechei 2023 com um pódio, o que nos dá um maior alento para acreditar que posso repetir mais algumas vezes na época que agora se inicia com a Rampa da Arrábida. Tudo farei por isso, até para agradecer a todos os que, de alguma forma colaboraram para permitir a minha presença neste campeonato”.

Por sua vez, Nuno Pinto, o team manager do Caramulo Racing Team está convicto de que a época será auspiciosa para as cores da equipa caramulense:

“Mais um ano, mais uma época, e esta que se espera, para além da competência e qualidade, que tenha a sorte como um dos principais temperos, que num ou noutro momento não tem sido em quantidade suficiente. Tudo está pronto, as máquinas afinadas e o Caramulo Racing Team quer continuar a ter um papel  de relevo entre os Clássicos de Montanha. O objetivo é para já marcar presença em todas as provas do campeonato com os três pilotos, e assim fazer chegar sempre cada vez mais longe o nome do Caramulo e da uma região, que carregamos orgulhosamente”.

O responsável dá a tática para que se cumpram os objetivos da equipa: “em cada prova, o foco no melhor desempenho, para que no final de cada uma possamos ser presença habitual nos pódios, o que nos permitirá no termino do campeonato ter um pódio final bem “recheado” com os pilotos do Caramulo Racing Team. Estamos certos de que a Rampa da Arrábida será o local certo para dar o “tiro de partida” para uma época que se anseia de muitos sucessos.”

A Rampa da Arrábida 2024 arranca em termos competitivos já este sábado à tarde, com o dia inaugural de competição a ter três subidas do CPM JC Group aprazadas, sendo que duas destas serão de treinos, a que se junta a 1ª Subida de Prova, que fechará a jornada.

O domingo terá uma subida inaugural de aquecimento às 10 da manhã, seguindo-se nova sessão de treinos oficiais. A partir das 13.00 horas decorrerão a 2ª e a 3ª Subidas de Prova, normalmente decisivas para o alinhamento classificativo final.

&nbsp

MEDIA4RACE TV

Scroll To Top